Papagaio-de-peito-roxo_VanessaKanaan

Papagaio-de-peito-roxo, uma das espécies que serão protegidas pelo programa. Foto: Vanessa Kanaan


Nesta quarta-feira (08), foi lançado o programa Papagaios do Brasil. O anúncio foi feito durante o 1º Simpósio Internacional de Conservação Integrada, no Parque das Aves, em Foz do Iguaçu. O objetivo da iniciativa é combater o tráfico de papagaios, uma das principais vítimas dos traficantes de animais silvestres. Foram selecionadas seis espécies de diferentes biomas e em distintos níveis de risco para serem a bandeira das ações de conservação do programa: o papagaio-verdadeiro (Amazona aestiva), papagaio-charão (Amazona pretrei), papagaio-de-peito-roxo (Amazona vinacea), papagaio-de-cara-roxa (Amazona brasiliensis), papagaio-chauá (Amazona rhodocorytha) e papagaio-moleiro (Amazona farinosa).

As seis espécies estão contempladas pelo Plano de Ação Nacional para a Conservação dos Papagaios (PAN Papagaios) e, além do tráfico, sofrem com a redução de habitat. O Papagaios do Brasil irá seguir as diretrizes do Plano e tem ações previstas previstas até 2021, entre atividades de educação para conservação da natureza, pesquisas e participação de instituições públicas e privadas.

O Programa conta com o apoio da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza e realização da Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental (SPVS), Parque das Aves, Fundação Neotrópica, Associação Amigos do Meio Ambiente (AMA) e ICMBio/Cemave.

Assista o vídeo de lançamento do programa:

 

 

 

Comentários

comentários