ResexCururupu_Andrei

Registro da Reserva Extrativista Marinha de Cururupu. Foto: Acervo ICMBio

 

A Reserva Extrativista Marinha de Cururupu (MA) começou o mês de agosto com o pé direito. A unidade de conservação criada em 2004 ganhou o seu Plano de Manejo. O documento, oficialmente homologado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) na última sexta-feira (04/08), é um passo importante para implementação e gestão da reserva extrativista.

A reserva, que está localizada no litoral maranhense e permite o uso sustentável dos seus recursos, recebeu também a Casa do Pescador. O espaço será dedicado à realização de atividades sociais e comunitárias dos moradores da unidade. Para fechar a lista, a escola local ganhou uma sala para projeção de filmes. As inaugurações, além do lançamento do Plano de Manejo, fizeram parte de uma solenidade liderada pelo atual ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho.

Outro assunto em discussão foi a adoção do defeso para pescada amarela, uma espécie de peixe bastante comercializada na região. Os moradores se preocupam com a possibilidade da sobrepesca extinguir os estoques do peixe, já que a pesca é a principal fonte de subsistência deles. Hoje, aproximadamente 4 mil pessoas vivem dentro da reserva.

 

Cururupu_Divulgação ICMBio

O Ministro Sarney Filho com representantes do ICMBio e da Resex. Foto: Divulgação ICMBio


*Com informações ICMBio

Comentários

comentários