PNPB_divulgação Transcarioca

Paisagem do Parque Estadual da Pedra Branca, no trecho 5 da Trilha Transcarioca. Foto: Trilha Transcarioca/Divulgação


No final de semana (10 e 11/03), a Trilha Transcarioca (RJ) comemorou o seu 1º aniversário com os pés na trilha. O percurso escolhido corresponde aos trechos 4 e 5 da trilha: Cabungui x Rio da Prata e Rio da Prata x Casa Amarela, ambos localizados no Parque Estadual da Pedra Branca (RJ). Aproximadamente 20 pessoas participaram da caminhada, entre voluntários, montanhistas e fundadores da Associação Movimento Trilha Transcarioca.

A confraternização também celebrou a recém-criada Associação,, que será responsável por representar institucionalmente a trilha. Mesmo com o clima festivo, o grupo não deixou o trabalho de lado e aproveitou a incursão para fazer reparos na sinalização e manejo dos trechos.

A travessia no parque estadual somou aproximadamente 24 km percorridos em 2 dias. No 1º dia de caminhada, o grupo acessou a trilha a partir da Estrada dos Bandeirantes, no bairro de Vargem Grande. A região conhecida como “Sertão Carioca” abrange a zona rural do município, onde estradas de terra, mulas e carroças ainda são elementos cotidianos. No trecho, o principal destaque é a visão panorâmica do Alto da Bela Vista, de onde é possível ver a linha azul do horizonte oceânico de um lado e a vastidão de concreto entrecortado por morros ainda verdes do outro.

O trecho Rio da Prata x Casa Amarela, percorrido no domingo, é conhecido como um dos mais surpreendentes de toda Transcarioca. Muito dessa fama se deve ao Alto do Mangalarga, um mirante 360º com vista para o Maciço da Pedra Branca e o ponto culminante do Rio de Janeiro, com 1.024 m, e para as montanhas do vizinho, o Parque Nacional da Tijuca (RJ). A paisagem panorâmica engloba também a Baía de Guanabara e todo o litoral da zona oeste até a Restinga da Marambaia.

Grupo Travessia Transcarioca_Duda Menegassi_wkps

Grupo que participou da travessia de aniversário da Transcarioca. Foto: Duda Menegassi


A escolha da Pedra Branca como palco da comemoração teve como objetivo exatamente reforçar a divulgação das belezas da área protegida. Apesar de ser o maior parque da cidade, com mais do triplo do tamanho do Parque Nacional da Tijuca (RJ), e possuir uma variada oferta de trilhas, a área protegida estadual ainda é desconhecida ou pouco explorada pelos cariocas e pelos próprios montanhistas. Bem, como provou a travessia de aniversário da Transcarioca, motivos não faltam para fugir do roteiro tradicional e descobrir outros ângulos da Cidade Maravilhosa a partir do parque.

 

 

 

Comentários

comentários