Parque Estadual Marinho da Pedra da Risca do Meio

Edição feita às 20h23min de 8 de junho de 2017 por Ferreira (disc | contribs)

(dif) ← Edição anterior | ver versão atual (dif) | Versão posterior → (dif)

O Parque Estadual Marinho da Pedra da Risca do Meio (PEMPRIM) é a única unidade de conservação marinha do estado do Ceará. O PEMPRIM foi criado em 05 de Setembro de 1997 e é bastante conhecido por pescadores e por mergulhadores, seja pela disponibilidade de peixes, seja pelas belas paisagens subaquáticas.

Fique por dentro das novidades do Parque Estadual Marinho da Pedra da Risca do Meio no Blog do WikiParques



Parque Estadual Marinho da Pedra da Risca do Meio
Esfera Administrativa: Estadual
Estado: Ceara
Município: Fortaleza (CE)
Categoria: Parque
Bioma: Marinho
Área: 33,20 km²
Diploma legal de criação: Criado através da Lei Estadual Nº 12.717 de 05 de Setembro de 1997.
Coordenação regional / Vinculação: Secretaria do Meio Ambiente do Ceará.
Contatos: Unidade de Conservação:

Endereço: Rua Osvaldo Cruz, 2366 - Dionísio Torres - Fortaleza/CE CEP: 60.125-151

E-mail: 1. isabella.mattos@sema.ce.gov.br

Telefone: 1. (85) 3101-5550

Índice

Localização

O Parque Estadual Marinho da Pedra da Risca do Meio está localizado a 10 milhas náuticas (cerca de 18,5 Km) do Porto do Mucuripe em Fortaleza – CE/Brasil seguindo à 60º nordeste, apresenta 33,2 Km2 de área. Possui visibilidade entre 15 e 30 metros e profundidade entre 18 e 30m. E está delimitado pelas seguintes coordenadas geográficas: A: 3º 33’ 800” S e 38º 26’ 000” W B: 3º 36’ 000” S e 38º 26’ 000” W C: 3º 36’ 000” S e 38º 21’ 600” W D: 3º 33’ 800” S e 38º 21’ 600” W

Como chegar

O acesso a esta Unidade de Conservação só poderá ser feito através de embarcações que partindo do Porto do Mucuripe levam em média 50 minutos para chegar a área do Parque Marinho. Operadoras de Mergulho realizam saídas para a prática de Mergulho Autônomo (SCUBA) contemplativo e pesca artesanal esportiva.

Ingressos

Onde ficar

Objetivos específicos da unidade

A criação do Parque Estadual Marinho da Pedra da Risca do Meio (PEMPRIM) tem como objetivo proteger uma área de produção e alimentação das espécies marinhas, resgatar a pesca artesanal, estudar e desenvolver programas de pesca sustentável, realizar pesquisas nos campos das Ciências Biológicas, Ciências Marinha Tropicais e Engenharia de Pesca, além de divulgar e promover o turismo subaquático. A área escolhida torna-se um refúgio biológico de grande valor, além de ser dotado de um equilíbrio ecológico muito frágil.

Histórico

Os jangadeiros denominam “riscas” as formações rochosas submersas onde se fixam microrganismos que formam a base da cadeia alimentar. O nome do Parque Estadual Marinho foi escolhido em homenagem a esses jangadeiros que batizaram os diversos pontos de pesca tais como a Risca do Mar, a Risca do Meio e a Risca de Terra.

Sua criação foi motivada pela necessidade de manutenção da imagem histórico-cultural, turística e ambiental do estado, na qual as belas praias com jangadas de pesca, seus pescadores e suas riquezas animais são bastante conhecidos a título mundial, sendo responsável por movimentar ainda hoje a economia na região costeira do estado.

Atrações

O PEMPRIM abriga uma vasta riqueza da flora e da fauna. A boa visibilidade, a grande diversidade biológica, o fato de não ser muito profundo, nem muito longe da costa, e estar em mares cearenses são um bom atrativo para aqueles que gostam do mar e da pratica mergulho. Peixes coloridos, raias manteiga, tubarões lixa, crustáceos, são alguns dos personagens presentes no parque que atraem muito atenção, seja para belas fotos ou simplesmente pra desfrutar da sua beleza.

Aspectos naturais

O Parque Estadual Marinho da Pedra da Risca do Meio (PEMPRIM) é a única unidade de conservação marinha do estado do Ceará. É bastante conhecido por pescadores e por mergulhadores, seja pela disponibilidade de peixes, seja pelas belas paisagens subaquáticas.

Relevo e clima

Fauna e flora

A fauna do PEMPRIM conta com a presença de espécies como o peixe trombeta; arraia-de-fogo, espécie endêmica do nordeste brasileiro; peixe olho de boi, entre outros.

Problemas e ameaças

Os principais problemas existentes no Parque Estadual Marinho Pedra da Risca do Meio são a pesca predatória com redes caçoeiras e uso de compressores de ar comprido para captura de peixes ornamentais, lagostas e peixes de grande porte. Atualmente os próprios pescadores que utilizam a área do Parque Marinho denunciam barcos clandestinos que vêm principalmente de outros estados.

Fontes

http://www.semace.ce.gov.br/2010/12/parque-estadual-marinho-da-pedra-da-risca-do-meio/

http://sistemas.mma.gov.br/cnuc/index.phpido=relatorioparametrizado.exibeRelatorio&relatorioPadrao=true&idUc=947 http://mardoceara.blogspot.com.br/2015/07/parque-estadual-marinho-da-pedra-da.html