APA do Marajó




APA do Marajó
Esfera Administrativa: Estadual
Estado: Para
Município: Chaves, Santa Cruz do arari, Soure, Salvaterra, Cachoeira do arari, Ponta de Pedras, Muaná, afuá, anajás, São Sebastião da Boa Vista, Curralinho e Breves.
Categoria: Área de Proteção Ambiental
Bioma: Marinho Costeiro
Área: 5.532.517,70 ha
Diploma legal de criação: Art. 13, § 2º, da Constituição do Estado do Pará de 1989.
Coordenação regional / Vinculação: Secretaria de Estado de Meio Ambiente do Pará - (SEMAS)
Contatos: Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade

Travessa Lomas Valentinas, 2717, CEP: 66093-677. Belém/Pará

Índice

Localização

Mesorregião do Marajó, norte do Estado do Pará, banhado pelo Rio Amazonas, Rio Tocantins e pelo Oceano Atlântico.

Como chegar

A viagem dá-se por meios fluviais, tendo a opção para quem está com carro e sem carro, utilizando-se catamarã, navio ou balsa. Para quem irá sem carro, a opção é partindo de do porto hidroviário de Belém, enquanto para quem possui carro, a viagem dá-se a partir do porto hidroviário de Icoaraci. Em ambas as situações, a chegada será efetuada no Porto de Camará, Salvaterra, já na Ilha do marajó. A viagem costuma durar algumas horas, passando por paisagens exuberantes e diversos bancos de areia, que costumam desafiar os capitães das embarcações.

Ingressos

Preços, horários e informações podem ser obtidas nesses sites:

http://www.henvil.com.br/home/index.php

http://www.banav.com.br/

Onde ficar

A APA conta com diversos hotéis, chácaras e chalés, alguns, com alimentação inclusa.

Objetivos específicos da unidade

Elaborar e executar o zoneamento ecológico-econômico, visando a conservação da biodiversidade, o desenvolvimento e melhoria da qualidade de vida da população marajoara; Preservar as espécies ameaçadas de extinção e amostras representativas dos ecossistemas e implementar projetos de pesquisa científica, educação ambiental e ecoturismo.

Histórico

Atrações

Aspectos naturais

Relevo e clima

Fauna e flora

Problemas e ameaças

Fontes