Parque Estadual dos Campos Altos

O Parque é praticamente todo recoberto por florestas estacionais, onde se destacam espécies arbóreas como a peroba rosa, jequitibá rosa, peroba de gomo, e as ameaçadas de extinção, como canela sassafrás e a palmeira palmito, ambas as espécies muito comuns na unidade de conservação.


Carregando mapa...
Parque Estadual dos Campos Altos
Esfera Administrativa: Estadual
Estado: Minas Gerais
Município: Campos Altos
Categoria: Parque
Bioma: Mata Atlântica
Área: 782,67 hectares
Diploma legal de criação: Decreto 43.909, de 5 de novembro de 2004
Coordenação regional / Vinculação: IEF - Regional Alto Paranaíba
Contatos: Unidade de Conservação

Fazenda Canavial, Caixa Postal 240 - Patos de Minas Telefone: (34) 3822.3533 e-mail: erapsup@ief.mg.gov.br

Sede Administrativa Rua Cornélia Alves Bicalho, 411, Centro – Campos Altos/MG - CEP: 38.970-000 Telefone: (34) 3426-0988

Índice

Localização

Como chegar

De Belo Horizonte, siga pela BR 262 em direção ao Triângulo Mineiro ou Uberlândia (aproximadamente 270 Km), até encontrar o acesso à cidade de Campos Altos, onde poderá ser procurada a Sede do Parque para maiores informações

Ingressos

A unidade de conservação ainda não dispõe de estrutura de visitação.

Onde ficar

Objetivos específicos da unidade

Histórico

Atrações

Aspectos naturais

Relevo e clima

Fauna e flora

O Parque é praticamente todo recoberto por florestas estacionais, onde se destacam espécies arbóreas como a peroba rosa, jequitibá rosa, peroba de gomo, e as ameaçadas de extinção, como canela sassafrás e a palmeira palmito, ambas as espécies muito comuns na unidade de conservação.

A cobertura florestal contínua permite a presença de rica fauna, destacando-se entre outros mamíferos, o caititu, o queixada, o tamanduá bandeira e a onça parda, estando essas duas últimas espécies ameaçadas de extinção. A avifauna caracteriza-se, predominantemente, por espécies florestais, como o olho-de-fogo-do-sul, o dançarino e o gritador, entre outras.

Uma particularidade da unidade é a presença de afloramentos de rochas dolomíticas em seu interior, recobertos pela floresta densa e proporcionando a existência de grutas e sua fauna associada.

Problemas e ameaças

O Parque Estadual dos Campos Altos ainda não possui um plano de manejo.

Fontes

Parque Estadual de Campos Altos, disponível em: http://www.ief.mg.gov.br/noticias/3306-nova-categoria/1774-parque-estadual-dos-campos-altos-. Acessado em: 16 de junho de 2016

Parque Estadual de Campos Altos, disponível em: http://www.ief.mg.gov.br/component/content/201?task=view. Acessado em: 16 de junho de 2016

Regional Alto Paranaíba, disponível em: http://www.ief.mg.gov.br/noticias/1/1876-regional-alto-paranaiba-. Acessado em: 16 de junho de 2016