Reserva Extrativista Chico Mendes

A Reserva Extrativista Chico Mendes foi criada em 1990 e foi pioneira no conceito de unidade de conservação de uso sustentável, onde as populações tradicionais têm a permissão de, não apenas morar dentro da Resex, mas também realizar o extrativismo de bens naturais, como a castanha, a borracha e o açaí.

Fique por dentro das novidades da Reserva Extrativista Chico Mendes no Blog do WikiParques


Carregando mapa...
Reserva Extrativista Chico Mendes
Esfera Administrativa: Federal
Estado: Acre
Município: Assis Brasil (AC), Brasiléia (AC), Capixaba (AC), Epitaciolândia (AC), Rio Branco (AC), Sena Madureira (AC), Xapuri (AC)
Categoria: Reserva Extrativista
Bioma: Amazônia
Área: 970.570 hectares
Diploma legal de criação: Decreto nº 99.144, de 13 de março de 1990.
Coordenação regional / Vinculação: Órgão Gestor: Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade

Telefone: (61) 3341-9218

Contatos: Endereço: Rua Copacabana, 423 - Q16, C10 - Village Wilde Maciel - Rio Branco/AC

CEP: 69.918-500

E-mail: silvana.souza@icmbio.gov.br

Telefone: (68) 3224-3749

Índice

Localização

Localizado na porção sul do estado do Acre, próximo à fronteira com o Peru e com a Bolívia.

Como chegar

Ingressos

Visitação não manejada, porém o acesso é possível de domingo a domingo. A melhor época para conhecer a Resex é durante os meses de abril a outubro, quando os rios que dão acesso a UC oferecem melhores condições de trafegabilidade.

Onde ficar

Objetivos específicos da unidade

A Reserva Extrativista é uma área utilizada por populações extrativistas tradicionais, cuja subsistência baseia-se no extrativismo e, complementarmente, na agricultura de subsistência e na criação de animais de pequeno porte, e tem como objetivos básicos proteger os meios de vida e a cultura dessas populações, e assegurar o uso sustentável dos recursos naturais da unidade.

Histórico

A Reserva Extrativista Chico Mendes foi uma das pioneiras na categoria. A unidade, criada em 1990, atualmente abriga cerca de 25 mil pessoas, que sobrevivem do extrativismo tradicional.

Atrações

O principal atrativo da Resex, inaugurado em agosto de 2017, é a Trilha Chico Mendes. A trilha de longo curso possui 90km de extensão, mas o projeto é estendê-la até a marca dos 300km. A trilha percorre diversas colocações, onde vivem os moradores tradicionais que hospedam os visitantes e contam suas histórias, desde as do movimento dos seringueiros para criação da reserva quanto as histórias da floresta.

Aspectos naturais

A Resex Chico Mendes está inserida dentro do bioma Amazônia.

Relevo e clima

De acordo com a classificação do Projeto RADAMBRASIL, duas grandes unidades morfoestruturais abrangem a área da Reserva, a Depressão do Rio Acre e o Planalto Rebaixado da Amazônia, onde o controle da erosão é exercido primordialmente pelas condições geológicas.A depressão do Rio Acre está representada na Reserva pelo interflúvio entre o Rio Acre e Rio Branco e pela depressão à margem direita do Rio Iaco. Tal unidade representa o nível topográfico mais baixo da área com média altimétrica em torno de 200 metros. O relevo é caracterizado por colinas onde as dimensões dos interflúvios são inferiores a 259 metros de altutude. O Planalto Rebaixado da Amazônia esta representado na porção mais central da Reserva,compreendendo uma faixa na direção norte-sul, cortando o Rio Xapuri. Como característica apresenta áreas aplainadas e relevos dissecados em interflúvios tabulares. Forma o nível topográfico mais elevado da área, com altimetrias entre 250 a 300 metros.

Quanto ao clima, a temperatura média é de 28°. Com uma pluviosidade média anual de 2.054 mm.

Fauna e flora

Reserva Extrativista Chico Mendes situa-se na região zoogeográfica para primatas e peixes, sendo considerada como centro de endemismo para aves e anfíbios, além de refúgio para borboletas e aves.Entre a diversidade da fauna destacam-se como fontes de proteína animal o porquinho do mato, o veado campeiro, o macaco prego, a queixada e a anta, considerados os principais produtos de caça consumidos pelas populações tradicionais da floresta.

Problemas e ameaças

Desmatamento e grilagem de terras.

Fontes

http://sistemas.mma.gov.br/cnuc/index.php?ido=relatorioparametrizado.exibeRelatorio&relatorioPadrao=true&idUc=222

http://www.mma.gov.br/areas-protegidas/cadastro-nacional-de-ucs/consulta-por-uc