Exibição de lançamento da nova temporada encheu a praça. Foto: Bruno Maia


No último sábado (07/09), o Movimento Pé no Parque realizou o evento de lançamento da 4ª temporada da websérie Pé no Parque, sobre o Parque Nacional da Chapada dos Guimarães (MT). Na Praça Central do município de Chapada dos Guimarães, a exibição dos 4 novos episódios reuniu mais de 100 pessoas interessadas em conhecer mais sobre a área protegida vizinha a cidade. O 1º episódio da nova temporada será disponibilizado para todos no Youtube nesta quarta-feira (11/09), um presente especial em homenagem ao Dia do Cerrado.

O evento contou com a presença do diretor da série, Marcio Isensee e Sá, que apresentou o Movimento Pé no Parque e destacou a importância do lançamento da série na cidade. Também participou, Cíntia Brazão, gestora do parque nacional e uma das personagens da temporada, que falou sobre o trabalho da área protegida na região. Houve ainda espaço para um breve bate-papo com o público, quando foram ressaltadas as belezas da região e a preocupação com as queimadas que assolam a região na época da seca.

Além da exibição, o Movimento Pé no Parque levou para o evento a História dos Sentidos, dinâmica de educação ambiental desenvolvida pelo Instituto Moleque Mateiro. Na sexta-feira (06), cerca de 40 alunos da Escola Estadual Juarez Rodrigues dos Anjos, de Cuiabá, puderam sentir a história do Cerrado. Sendo estimulados por sons, texturas e sabores, aprenderam sobre a história geológica, de ocupação e preservação da região.

Monitores do Moleque Mateiro realizam a dinâmica História dos Sentidos com alunos da rede pública do Mato Grosso. Foto: Marcio Isensee


Voluntários do parque foram capacitados para replicar a dinâmica com outros grupos de alunos. Na próxima sexta-feira (13), a ação será realizada com alunos da Escola Estadual Ana Tereza Albernaz, de Chapada dos Guimarães.

O 1º  episódio da série será lançado nacionalmente em 11/09, às 19 horas, para celebrar o Dia do Cerrado. Os outros 3 episódios que completam a temporada serão lançados semanalmente, sempre às quartas-feiras, até o dia 02/10. Todos estarão disponíveis ao público no site do Pé no Parque e no canal do WikiParques no Youtube.

Nos seus 4 episódios, o Pé no Parque mostrará ao público a surpreendente Chapada dos Guimarães. Do circuito de cachoeiras às águas cristalinas da nascente do Vale do Rio Claro. Do cartão postal do parque, a Cachoeira Véu de Noiva, aos paredões rochosos milenares da Cidade de Pedra, que emolduram a paisagem. A série apresenta personagens que vivem o parque nacional diariamente, como condutores de turismo, voluntários e servidores. Traz também histórias do Cerrado, mostra sua fauna, flora e até a influência do fogo na paisagem.

A websérie é dirigida pelo fotógrafo Marcio Isensee e Sá, diretor do documentário Sob a Para do Boi (2018), e produzida por WikiParques e ((o)) eco, com patrocínio da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza.

Equipe durante as filmagens da temporada sobre o Parque Nacional da Chapada dos Guimarães. Foto: Duda Menegassi/Pé no Parque


Mais do que mostrar ao público a importância das áreas protegidas brasileiras e da proteção da natureza, o movimento Pé no Parque tem como objetivo transcender as telas e convidar as pessoas para conhecer de fato os parques do país. “Com o Pé no Parque, queremos mobilizar as pessoas. Fazer com que elas conheçam ao vivo não só as áreas protegidas que viram na tela do computador ou do celular, mas também áreas verdes que estão pertinho delas. É através desse movimento coletivo das pessoas, seja fazendo uma trilha ou aproveitando as belezas dos parques, que conseguiremos criar uma rede de pessoas engajadas na conservação da natureza, consciente da importância dessas áreas naturais, e aproximar a sociedade das unidades de conservação”, explica o produtor executivo do projeto, Paulo André Vieira.

Confira as sinopses dos episódios desta temporada:

Episódio 1: Por entre árvores tortas (disponível a partir de 11/09)
O Parque Nacional da Chapada dos Guimarães possui uma longa lista de atrativos que incluem cachoeiras, trilhas e paredões rochosos, mas o verdadeiro protagonista é o Cerrado. Muito mais que as típicas árvores retorcidas de cascas grossas, o Cerrado apresenta suas variações enquanto encanta os visitantes.

Episódio 2: Onde nascem as águas (disponível a partir de 18/09)
A cerca de 1 hora de Cuiabá, o Parque Nacional da Chapada dos Guimarães é um refúgio natural para a rica fauna e flora local e para os visitantes, que escapam do calor matogrossense em banhos de cachoeira de água cristalina em um dos muitos rios que afluem pela Chapada.

Episódio 3: Fogo no Cerrado (disponível a partir de 25/09)
A Chapada dos Guimarães sofre com incêndios anualmente. Na linha de frente do combate às chamas estão os brigadistas. Eles atuam na proteção do parque contra o fogo criminoso, causado pela ação humana, diferente do fogo natural com o qual o Cerrado evoluiu ao longo de milhões de anos.

Episódio 4: Bastidores da conservação (disponível a partir de 02/10)
A visitação não é a única forma para a sociedade se aproximar e participar de um parque. A pesquisa e o voluntariado são exemplos de como as pessoas podem agir em parceria com as áreas protegidas.

 

 

 

Comentários

comentários