Atiaiá, a onça-pintada no Parque Nacional do Iguaçu. Foto: Projeto Onças do Iguaçu


Uma cena rara foi registrada no último fim de semana no Parque Nacional do Iguaçu (PR): a onça-pintada, Atiaiá, com seus três filhotes. As imagens foram feitas pela equipe do parque, através de armadilhas fotográficas para monitoramento da fauna local (assista do vídeo abaixo). O registro foi feito pouco menos de uma semana da comemoração do Dia Internacional da Onça-Pintada, celebrado pela primeira vez na história hoje, 29/11.

A onça-pintada ocorre em vários tipos de habitat, desde florestas, como a Amazônica e a Mata Atlântica, até em ambientes abertos como o Pantanal, o Cerrado e a Caatinga. Ela representa um indicador de que o local está ambientalmente equilibrado e saudável. Esse fator se dá pelo fato de a onça-pintada estar no topo da cadeia alimentar e necessitar de grandes áreas preservadas para sobreviver.

As crescentes alterações ambientais provocadas pelo homem, assim como o desmatamento e a caça às presas silvestres e às próprias onças, têm causado a diminuição da população da espécie no Brasil. Reduzir essas ameaças é fundamental para garantir a sobrevivência da onça-pintada e a integridade dos ecossistemas.

 

 

*Com informações da Assessoria de Comunicação Social (Ascom/MMA)

 

 

 

Comentários

comentários