Bioma Pantanal - RPPN Estância Ecológica SESC Pantanal. Foto: Zig Koch/ Arquivo Sbio/MMA

Bioma Pantanal. RPPN Estância Ecológica SESC Pantanal. Foto: Zig Koch/ Arquivo Sbio/MMA


Dia Mundial das Áreas Úmidas, celebrado nesta sexta-feira, 02 de fevereiro, não vai passar em branco. Com o tema A importância das áreas úmidas para um futuro urbano sustentável, este ano a data comemorativa quer chamar a atenção da sociedade para o valor ambiental, social e cultural das áreas úmidas, a necessidade de sua proteção e os benefícios que proporcionam. Uma série de atividades serão promovidas pelo MMA, órgãos ambientais, organizações não governamentais e grupos de ambientalistas em vários locais do país. 

Áreas úmidas são ecossistemas na interface entre ambientes terrestres e aquáticos, continentais ou costeiros, naturais ou artificiais, permanente ou periodicamente inundados ou com solos encharcados. As águas podem ser doces, salobras ou salgadas, com comunidades de plantas e animais adaptados à sua dinâmica hídrica.

Além da zona rural, as áreas úmidas estão nas cidades, nos ambientes urbanos e nos seus arredores e incluem rios, áreas inundáveis, lagos e pântanos, assim como variantes costeiras e marinhas como marismas, manguezais e recifes de coral.

A expansão das cidades faz com que a demanda por terras afete diretamente as áreas úmidas, que acabam sendo degradadas e ocupadas por construções. Foi exatamente essa preocupação que levou a Convenção de Ramsar a escolher o ambiente urbano como tema deste ano do Dia Mundial das Áreas Úmidas.

“As comemorações são uma oportunidade para divulgarmos a necessidade de conservar as áreas úmidas, enfatizando o seu uso sustentável. Neste ano, vamos destacar a relação dessas áreas com o ambiente urbano, os serviços ambientais que elas fornecem às cidades, como, por exemplo, o abastecimento d’água”, diz o analista ambiental Maurício Pompeu, da Secretaria de Biodiversidade do MMA. 

No Parque Nacional Marinho de Abrolhos (BA), as festividades vão marcar, também, o Ano Internacional dos Recifes de Coral.

Veja, a seguir, os eventos já confirmados nos sítios Ramsar e em outras áreas úmidas no Brasil.

1. Atividades na Reserva Particular do Patrimônio Natural SESC Pantanal (MT)

Oficina de Miniaturas e Maquetes
Quando? 31/01 a 02/02, de 14h00 às 18h00
Onde? Espaço Fábrica no SESC Poconé (Av. Generoso Ponce, s/nº., Centro, Poconé – MT)
Público-alvo? Professores e artistas de Poconé, São Pedro de Joselânida e região
Informações pelo telefone (65) 3688-2000

Exposição de maquetes e painéis sobre áreas úmidas e o ambiente urbano
Quando? 
02 a 28/o2, das 08h00 às 18h000
Onde?
Hall do Sesc Poconé (Av. Generoso Ponce, s/nº., Centro, Poconé – MT)
Informações pelo telefone (65) 3688-2000

Atividades no Hall do Sesc Poconé

  • Debate sobre Áreas úmidas para um futuro urbano sustentável com a professora Cátia Nunes
  • Lançamento do livro Marcos Referenciais para a Lei Federal do Pantanal e gestão de Outras áreas úmidas – autoria de Cátia Nunes, Erica Cezarine de Arruda e Wolfgang Junk.
  • Abertura da exposição da Campanha do Dia Mundial das Áreas Úmidas.

Quando? 02/02, das 18h00 às 20h00
Público Alvo? Escolas, universidades e membros do Poder Público
Informações pelo telefone (65) 3688-2000

 

2. Atividades no Parque Nacional Marinho de Abrolhos (BA)

  • Evento do Dia Mundial das Áreas Úmidas e Ano Internacional dos Recifes de Coral
  • Coquetel de encerramento do curso para dive master (mergulhadores)

Quando? 02/02, às 16h00 
Onde? sede do parque em Caravelas (BA)
Informações pelo telefone 073 32972258

 

3. Atividades no Parque Estadual da Ilha do Cardoso (SP)

  • Atividades com visitantes sobre o manguezal e os recifes de coral
  • Atividades com visitantes na cachoeira do Mandira

Quando? 02/02
Onde? sede do Parque
Informações pelo telefone 013 3851-1212

 

*Com informações da MMA

 

 

 

Comentários

comentários