Editando Floresta Nacional do Trairão

Ir para navegação Ir para pesquisar

Aviso: Você não está conectado. Seu endereço IP será visível publicamente se você fizer alguma edição. Se você fizer login ou criar uma conta, suas edições serão atribuídas ao seu nome de usuário, juntamente com outros benefícios.

A edição pôde ser desfeita. Por gentileza, verifique o comparativo a seguir para se certificar de que é isto que deseja fazer, salvando as alterações após ter terminado de revisá-las.

Esta página suporta marcações semânticas no texto (por exemplo, "[[Is specified as::World Heritage Site]]") para construir conteúdo estruturado e recuperável por consultas providas pelo Semantic MediaWiki. Para uma descrição completa sobre como utilizar marcações ou a função #ask, por favor, leia as páginas de ajuda: primeiros passos, marcação no texto ou consultas embutidas.

Revisão atual Seu texto
Linha 4: Linha 4:
 
|City=Rurópolis, Trairão e Itaituba
 
|City=Rurópolis, Trairão e Itaituba
 
|Category=Floresta
 
|Category=Floresta
|Biome=Amazônia
 
 
|Area=257.526,32 hectares
 
|Area=257.526,32 hectares
 
|Legal documents=Dec de 13 de fevereiro de 2006
 
|Legal documents=Dec de 13 de fevereiro de 2006
 +
 
|Coordination=CR3 – Itaituba
 
|Coordination=CR3 – Itaituba
 +
 
|Contacts=TELEFONE: (93) 35232847 / RAMAL 232
 
|Contacts=TELEFONE: (93) 35232847 / RAMAL 232
 +
 
|Location=Sede administrativa: Coordenação Regional 3: Av. Marechal Rondon s/n°, Aeroporto Velho. Itaituba/PA - CEP: 68.181-010
 
|Location=Sede administrativa: Coordenação Regional 3: Av. Marechal Rondon s/n°, Aeroporto Velho. Itaituba/PA - CEP: 68.181-010
 +
 
|How to get there=Não há meio de transporte regular para a Flona. Chega-se de transporte particular:
 
|How to get there=Não há meio de transporte regular para a Flona. Chega-se de transporte particular:
 
A partir de Itaituba: fluvial (travessia de balsa sobre o rio Tapajós) e rodoviário (BR-230 e BR-163)
 
A partir de Itaituba: fluvial (travessia de balsa sobre o rio Tapajós) e rodoviário (BR-230 e BR-163)
 
A partir de Trairão: rodoviário (BR-163)
 
A partir de Trairão: rodoviário (BR-163)
A partir de Rurópolis: rodoviário (Trecho confluente BR-230 e BR-163)
+
A partir de Rurópolis: rodoviário (Trecho confluente BR-230 e BR-163)  
 +
 
 
|Tickets=Não está aberto à visitação
 
|Tickets=Não está aberto à visitação
 +
 
|Where to stay=Localiza-se no sudoeste do estado do Pará, na área do Distrito Florestal Sustentável.
 
|Where to stay=Localiza-se no sudoeste do estado do Pará, na área do Distrito Florestal Sustentável.
 +
 
|Objectives=Trairão foi criada com os objetivos básicos de promover o manejo de uso múltiplo sustentável dos recursos florestais, a manutenção e a proteção dos recursos hídricos e da biodiversidade, bem como o apoio ao desenvolvimento de métodos de exploração sustentável dos recursos naturais.
 
|Objectives=Trairão foi criada com os objetivos básicos de promover o manejo de uso múltiplo sustentável dos recursos florestais, a manutenção e a proteção dos recursos hídricos e da biodiversidade, bem como o apoio ao desenvolvimento de métodos de exploração sustentável dos recursos naturais.
|History=Trairão foi criada em 2006 dentro de um pacote para conter o desmatamento ao longo da BR-163, que estava sendo asfaltada.
+
 
 +
|History=Trairão foi criada em 2006 dentro de um pacote para conter o desmatamento ao longo da BR-163, que estava sendo asfaltada.  
 +
 
 
|Features=Na porção norte da Flona, há cachoeiras
 
|Features=Na porção norte da Flona, há cachoeiras
|Geography and climate=Clima tropical úmido
+
 
|Fauna and flora=Trata-se de uma região de transição entre a Floresta Ombrófila Densa e a Floresta Ombrófila Aberta. Duas espécies registradas no ZEE da BR-163 estão na lista de espécies ameaçadas de extinção: Bowdichia nitida H.B.K. (sucupira) e Bertholletia excelsa HBK (castanheira). Ambas tem ocorrência na Flona do Trairão e sua madeira é ilegalmente explorada.
+
|Geography and climate=Clima tropical úmido  
 +
 
 +
|Fauna and flora=Trata-se de uma região de transição entre a Floresta Ombrófila Densa e a Floresta Ombrófila Aberta. Duas espécies registradas no ZEE da BR-163 estão na lista de espécies ameaçadas de extinção: Bowdichia nitida H.B.K. (sucupira) e Bertholletia excelsa HBK (castanheira). Ambas tem ocorrência na Flona do Trairão e sua madeira é ilegalmente explorada.  
 +
 
 
|Threats and problems=Extração ilegal de madeira, extração ilegal de produtos não madeireiros, caça, pesca, abertura de estradas e o desenvolvimento de atividade agropecuária são as ameaças que a unidade enfrenta
 
|Threats and problems=Extração ilegal de madeira, extração ilegal de produtos não madeireiros, caça, pesca, abertura de estradas e o desenvolvimento de atividade agropecuária são as ameaças que a unidade enfrenta
 +
 
|Sources=http://www.icmbio.gov.br/portal/unidadesdeconservacao/biomas-brasileiros/amazonia/unidades-de-conservacao-amazonia/1965-flona-do-trairao
 
|Sources=http://www.icmbio.gov.br/portal/unidadesdeconservacao/biomas-brasileiros/amazonia/unidades-de-conservacao-amazonia/1965-flona-do-trairao
  
Linha 29: Linha 41:
  
 
http://www.florestal.gov.br/florestas-sob-concessao?id=106
 
http://www.florestal.gov.br/florestas-sob-concessao?id=106
 +
 +
 +
 
}}
 
}}

Por favor, note que todas as suas contribuições em WikiParques podem ser editadas, alteradas ou removidas por outros contribuidores. Se você não deseja que o seu texto seja inexoravelmente editado, não o envie.
Você está, ao mesmo tempo, a garantir-nos que isto é algo escrito por si, ou algo copiado de alguma fonte de textos em domínio público ou similarmente de teor livre (veja Wikiparques:Direitos de autor para detalhes). NÃO ENVIE TRABALHO PROTEGIDO POR DIREITOS DE AUTOR SEM A DEVIDA PERMISSÃO!

Cancelar Ajuda de edição (abre numa nova janela)

Predefinição usada nesta página: