O Lago do Amor, no Parque Estadual da Costa do Sol, tem o acesso considerado perigoso, tendo trechos com pedras escorregadias, precipícios e desníveis. Foto: Duda Menegassi

O Instituto Estadual do Ambiente, órgão que administra o Parque Estadual da Costa do Sol (RJ), informa que o Lago do Amor, atrativo localizado no interior da unidade de conservação, segue interditado. O local oferece grandes riscos à população, e por isso, o percurso foi fechado e recebeu sinalização de alerta em agosto de 2019.

Apesar das recomendações, diversos turistas e moradores de Arraial do Cabo insistem em realizar a trilha para chegar até lá. No entanto, o Lago do Amor tem o acesso considerado perigoso, tendo trechos com pedras escorregadias, precipícios e desníveis. Com a maré alta o perigo é ainda maior, por causa das fortes ondas.

A decisão de interditar o lago foi tomada após uma reunião com o Conselho do Parque Estadual da Costa do Sol, juntamente com diversos guias credenciados pelo Inea. A unidade de conservação é aberta para visitação com fins educacionais, científicos e de lazer, mas possui alguns pontos de acesso proibido.

 

*Com informações do Inea-RJ

 

 

 

 

Comentários

comentários