Foto: Rafael Rodrigues Machado

Cerca de 400 quilos foram removidos das bordas do rio Iguaçu. Foto: Rafael Rodrigues Machado

O Parque Nacional do Iguaçu (PR) é mundialmente conhecido pelo incrível volume e força das suas águas que formam as famosas Cataratas. No Dia Mundial da Água (22/03), portanto, nada mais justo do que presentear o Rio Iguaçu com um mutirão de limpeza. A ação organizada pelo ICMBio envolveu voluntários e instituições parceiras, e recolheu cerca de 400 quilos de lixo das bordas do rio. Os resíduos serão encaminhados para coleta seletiva existente no parque.

O mutirão reuniu aproximadamente 50 voluntários e atuou em quatro frentes: acima das cataratas, na parte baixa, nas encostas e trilhas, e nos pontos de caça ilícitos que foram descobertos recentemente. A ação envolveu caiaques, barcos e até rapel – com apoio dos bombeiros – para fazer a limpeza das áreas.

O gestor do parque, Ivan Baptiston, informou que o lixo recolhido “provém basicamente do descarte humano nas cidades, das atividades de turismo e, especificamente no parque, também, das ilegalidades de caça e extração naturais”. O mutirão em homenagem ao Dia da Água é uma tradição que acontece há 13 anos. Um presente merecido e essencial que “reflete o trabalho diário do ICMBio e parceiros no cuidado e preservação da unidade de conservação”, nas palavras de Baptiston.

Voluntários diante da montanha de lixo retirada do rio Iguaçu. Foto: Rafael Rodrigues Machado/ICMBIo

Foto: Rafael Rodrigues Machado

Foto: Rafael Rodrigues Machado/ICMBio

Foto: Rafael Rodrigues Machado

Foto: Rafael Rodrigues Machado/ICMBio

Foto: Rafael Rodrigues Machado

Foto: Rafael Rodrigues Machado/ICMBio

 

*Com informações do ICMBio

 

 

Comentários

comentários