Categorias
Blog

Ararinhas germânicas se mudam para o Brasil

Além das ararinhas comemorativas, Acontece nos Parques convocações para voluntários, recordes de visitação e um tour pelas chachoeiras mineiras.

Carla e Tiago, as ararinhas-azuis germânicas. Foto: Divulgação
Carla e Tiago, as ararinhas-azuis germânicas. Foto: Divulgação

Ontem, 03 de março, foi o Dia Mundial da Vida Selvagem. Para marcar a data, duas ararinhas-azuis (Cyanopsitta spixii) criadas em cativeiro na Alemanha foram trazidas ao Brasil, onde serão reintroduzidas à natureza, à vida selvagem. Há mais de dez anos, o ICMBio e a Agência Federal Alemã de Conservação da Natureza (Bundesamtfür Naturschutz, BfN) conduzem um Programa de Cativeiro da espécie e as aves Carla e Tiago são o promissor resultado de um esforço para aumentar a população de ararinhas-azuis no Brasil. Uma unidade de conservação será criada para proteger as aves na região de Curaçá, norte da Bahia, de onde a espécie, uma vez considerada extinta na natureza, é originária. (InforMMA e ICMBio)

Outras novidades que Acontecem nos Parques:

  • Unidades de conservação sempre precisam de mais… mãos para a conservação. Para quem estiver interessado em ajudar a natureza, o Parque Nacional da Serra dos Órgãos (RJ) (info), a Reserva Biológica de Comboios (ES) (info) e o Parque Nacional da Serra da Bocaina (RJ) (info) estão convocando voluntários. Participe!
  • O turismo de natureza está em alta! Segundo a Organização Mundial do Turismo, a expansão do segmento está entre 15% e 25% ao ano. O Brasil se destaca como um dos principais destinos e os nossos parques nacionais batem recorde de visitações. (Ministério do Turismo)
  • Com o objetivo é fortalecer atuação nas políticas públicas de educação ambiental no país, o MMA prepara curso online para gestores do projeto Salas Verdes. (MMA)
  • A “Caixa d’água do Brasil”, Minas Gerias abriga nascentes de rios de grande importância para o país. Não por acaso, é o estado brasileiro com a maior quantidade de cachoeiras. Conheça 11 das mais belas. (Blog Desviantes)

Comentários

comentários