Categorias
Blog

Caminho das Araucárias organiza mesa-redonda para debater desafios e estratégias

A trilha de longo curso que irá ligar áreas protegidas no sul do Brasil estará em pauta durante o Seminário Internacional de Pesquisa em Turismo do Mercosul, neste sábado (11).

Flona São Francisco de Paula_Aquiles Bastiani_Wkps
Flona de São Francisco de Paula, por onde passa o Caminho das Araucárias. Foto: Aquiles Bastiani/WikiParques

Neste sábado (11/11), a trilha de longo curso Caminho das Araucárias será o tema de uma mesa-redonda durante o Seminário Internacional de Pesquisa em Turismo do Mercosul (SeminTur). O evento será realizado no campus da Universidade de Caxias do Sul (UCS) em Canela, no Rio Grande do Sul.

Com o objetivo de discutir desafios e estratégias para implementação do Caminho das Araucárias no município, o debate terá a participação de atores locais. Estarão presentes representantes do Movimento Ambientalista da Região das Hortênsias, do Grupo Escoteiro Abaetê, da Floresta Nacional de Canela (RS), da Prefeitura de Canela e do Fundo de Turismo de Canela, que representa os empresários do município

De acordo com o professor de turismo da Universidade de Caxias do Sul, Michel Bregolin, um dos articuladores da trilha, o objetivo da mesa-redonda é entender como será possível construir esse projeto coletivamente. “A proposta é que a gente possa discutir com diferentes atores locais, com foco no trecho da trilha em Canela, para aproximar os olhares e entender como os diferentes setores estão encarando a ideia de uma trilha de longo curso e possam apontar quais são suas expectativas, os desafios e também como poderão colaborar com esse processo”, explica Michel.

Ele ressalta ainda que a presença da mesa-redonda durante o SeminTur poderá trazer também outras visões importantes para o Caminho. “O evento irá reunir grandes especialistas de turismo do Brasil e do Mercosul, e isso irá fortalecer o projeto e trazer novos olhares, vindos de outros lugares, que também irão nos ajudar na construção disso”, acrescenta o professor. Aos interessados em participar da conversa, a mesa-redonda acontecerá das 9h às 10h30, neste sábado (11), no Espaço das Hortênsias, da UCS. A entrada é gratuita e não é necessária inscrição.

Flona São Francisco de Paula_Jeremias_wkps
A pegada que sinaliza o Caminho das Araucárias. Foto: Jeremias Freitas


O Caminho das Araucárias

É o projeto de uma trilha de longo curso que conectará o Parque Estadual do Caracol (RS) ao Parque Nacional de São Joaquim (SC), em um trajeto que irá cruzar outras unidades de conservação, como a Floresta Nacional de São Francisco de Paula (RS) e o Parque Nacional de Aparados da Serra (RS). Até o momento, apenas um trecho de 10 Km situado na Floresta Nacional de São Francisco foi oficialmente implementado e sinalizado.

O Movimento do Caminho das Araucárias conta com voluntários para fazer a sinalização dos outros trechos do percurso. Quem quiser colaborar e se tornar um voluntário da trilha pode se cadastrar através de um formulário online (acesse aqui) e apoiar em ações para implementar o Caminho.

 

 

 

Comentários

comentários