O WikiParques é uma grande enciclopédia onde cada verbete é uma unidade de conservação (UC), inserida dentro de um bioma específico com características e aspectos naturais diversos. Cada um deles, portanto, é uma chance de conhecer alguns dos maiores patrimônios naturais do país sem sair do lugar. De todas as 552 unidades de conservação cadastradas na wiki, estas são as dez mais populares entre os nossos usuários.

Confira a nossa lista e viaje conosco pelos parques do Brasil:

1. Parque Nacional da Serra da Capivara (PI)

região da Serra dos Gringos no Parque Nacional Serra da Capivara. Foto: André Pessoa

região da Serra dos Gringos no Parque Nacional Serra da Capivara. Foto: André Pessoa


O campeão de acessos é o Parque Nacional da Serra da Capivara, localizado no interior do Piauí. Criado em 1979, a unidade possui 129 mil hectares de extensão e protege um dos maiores patrimônios arqueológicos do Brasil. Inserido dentro do bioma Caatinga, as formações rochosas da Serra da Capivara em meio ao inesperado verde da vegetação impressionam os visitantes. Outro destaque são as pinturas rupestres, que datam de cerca de 43 mil anos atrás. Por essas e outras que, além do mais visitado pelos nossos usuários, o parque também é considerado Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO.

2. Parque Nacional da Chapada Diamantina (BA)

Parque Nacional da Chapada Diamantina. Foto: Bart van Dorp

Parque Nacional da Chapada Diamantina. Foto: Bart van Dorp

 segundo lugar também está na Caatinga, agora no interior baiano. O Parque Nacional da Chapada Diamantina foi criado em 1985 e ao longo dos seus mais de 150 mil hectares abriga incontáveis cachoeiras e rios, além de imponentes chapadões e paredões rochosos que juntos formam alguns dos principais cartões-postais da unidade. A Chapada é um dos destinos favoritos para quem gosta de trilha e quer ficar um tempo longe da civilização já que está a mais de 400 quilômetros da capital, Salvador.

3. Parque Nacional do Itatiaia (RJ)

Pico das Agulhas Negras, uma das formações do Parque Nacional de Itatiaia, em sua parte alta. Foto: Izabel Reigada

Pico das Agulhas Negras, uma das formações do Parque Nacional de Itatiaia, em sua parte alta. Foto: Izabel Reigada


A unidade de conservação mais antiga do Brasil, criada em 1937, prova em números que não tem nada a dever às “novinhas”. Além de ser o 3º verbete mais acessado no WikiParques, o parque foi o 8º a receber mais visitantes em 2016, com um público de mais de 127 mil pessoas. As paisagens da altura da Serra da Mantiqueira, onde a Mata Atlântica ganha outros contornos e cores devido à altitude, conquistam montanhistas, escaladores e amantes da natureza. Dentro dos 28 mil hectares de extensão do parque está o quinto ponto mais alto do país, o Pico das Agulhas Negras, com 2.791 metros. Todo esse patrimônio foi reconhecido como parte da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica pela UNESCO.

4. Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha (PE)

Por do sol vista do Mirante do Fortinho. Ao fundo encontra-se os Dois Irmãos. Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha. Foto: Bruno Melo

Por do sol vista do Mirante do Fortinho. Ao fundo encontra-se os Dois Irmãos. Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha. Foto: Bruno Melo


O arquipélago está localizado a mais de 300 quilômetros da costa brasileira. Para chegar lá, só em aviões de pequeno porte ou barcos. Mesmo tão isolado – o que permite que seja tão protegido – o Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha é um dos destinos dos sonhos para maioria dos brasileiros. Em 2016 foram quase 400 mil visitantes na unidade, que corresponde a cerca de dois terços da ilha principal e abrange todas as outras 20 ilhas secundárias. No total, são 11.270 hectares protegidos pelo parque nacional, que foi criado em 1987. Considerado um santuário da vida marinha, Fernando de Noronha é o paraíso para mergulhadores e para os admiradores da natureza, e faz jus à fama.

5. Parque Natural Municipal de Nova Iguaçu (RJ)

A última cachoeira da série de quedas do Caminho das Águas, principal atrativo do Parque Natural Municipal de Nova Iguaçu. Foto: Duda Menegassi

A última cachoeira da série de quedas do Caminho das Águas, principal atrativo do Parque Natural Municipal de Nova Iguaçu. Foto: Duda Menegassi


Em 5º lugar na lista de mais acessados, o Parque Natural Municipal de Nova Iguaçu prova a importância de áreas protegidas localmente, como ponto de lazer e conservação. Localizado no município de Nova Iguaçu, na região da Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro, a unidade foi criada em 1998. Com 1.100 hectares de extensão, o parque protege um remanescente de Mata Atlântica no estado e divide fronteiras com o Parque Estadual do Mendanha (RJ). Os principais atrativos são as cachoeiras que formam o Caminho das Águas, mas outro ponto que desperta a curiosidade dos visitantes é o que alguns acreditam ser a cratera de um vulcão extinto.

6. Parque Nacional da Tijuca (RJ)

Vista do Pico da Tijuca, por entre a vegetação colorida, em dia de céu azul. Foto: Duda Menegassi


Localizado no coração da metrópole carioca, o Parque Nacional é uma figurinha comum em nossas listas. Entre os parques nacionais mais visitados, por exemplo, ele aparece em 1º lugar com 2,7 milhões de visitantes em 2016. Com quase 4 mil hectares de Mata Atlântica lado a lado com os prédios da cidade, a unidade que abriga o Corcovado e o Cristo Redentor é mais do que um ponto turístico, é um símbolo de conservação. Entre as múltiplas opções de trilhas e atrativos, está outro superlativo, a Trilha Transcarioca (RJ), o maior trekking implementado de longo curso do Brasil, com 180 quilômetros de extensão e mais de um quinto do percurso dentro do parque.

7. Parque Estadual da Serra do Mar (SP)

Vistas das montanhas do Parque Estadual da Serra do Mar. Foto: Wellington Matos

Vistas das montanhas do Parque Estadual da Serra do Mar. Foto: Wellington Matos


Com 332 mil hectares de extensão distribuídos por mais de vinte municípios do estado de São Paulo. O tamanho, nesse caso, é documento, porque o Parque Estadual Serra do Mar é o maior corredor biológico da Mata Atlântica no Brasil. De uma ponta a outra não faltam atrativos na unidade criada em 1977. Praias, cachoeiras, trilhas, rios, montanhas e mirantes estão no roteiro de belezas cênicas. Na biodiversidade, o parque também impressiona: por lá foram registradas 373 espécies de aves, mais da metade do total existente na Mata Atlântica; e 111 espécies de mamíferos, sendo 22 ameaçadas de extinção.

8. Parque Nacional da Serra da Bocaina (SP)

Talha mar. las vão de aves aves comuns ate as extremamente endêmicas, nas mais variadas cores e tamanhos. las vão de aves aves comuns ate as extremamente endêmicas, nas mais variadas cores e tamanhos. Foto: Gabriel Toledo

Aves da Bocaina. Elas vão de aves aves comuns ate as extremamente endêmicas, nas mais variadas cores e tamanhos. Foto: Gabriel Toledo


Inaugurada em fevereiro de 1971, a unidade de conservação localiza-se na Serra do Mar, na divisa entre os estados do Rio de Janeiro e São Paulo. Com cerca de 104.000 hectares, o parque oferece atrativos na região serrana (lado paulista) e no litoral (lado carioca). Na parte alta, o visitante poderá conhecer inúmeras cachoeiras, picos e mirantes. A parte baixa, trilhas e rafting. Uma das maiores atrações é a Trilha do Ouro, um caminho colonial foi construído no século XVII para escoar o ouro vindo de Minas Gerais. Em seus três dias de caminhada, é possível avistar lindas paisagens, cachoeiras, araucárias de climas mais temperados, além de um cenário com bromélias e bananeiras tropicais e vestígios históricos como as ruínas de um antigo engenho de cana-de-açúcar.

9. Parque Nacional do Iguaçu (PR)

Cataratas do Iguaçu. Parque Nacional do Iguaçu. Foto: Rafaela Vendrametto Granzotti

Cataratas do Iguaçu. Parque Nacional do Iguaçu. Foto: Rafaela Vendrametto Granzotti


Lar das famosas Cataratas do Iguaçu, o 9º parque mais visitado da wiki é, também, o 2º mais antigo parque brasileiro, tendo sido criado em janeiro de 1939. Seu maior atrativo está no extremo oeste do Paraná, na bacia hidrográfica do rio Iguaçu, a 17 km do centro de Foz do Iguaçu, fazendo fronteira com a Argentina. Uma das maiores reservas florestais de Mata Atlântica da América do Sul, a unidade foi a primeira Unidade de Conservação do Brasil a ser instituída como Sítio do Patrimônio Mundial Natural pela UNESCO, em 1986.

10. Parque Nacional Cavernas do Peruaçu (MG)

Gruta do Janelão. Parque Nacional Cavernas do Peruaçu. Foto: Bruno Rega de Oliveira

Gruta do Janelão. Parque Nacional Cavernas do Peruaçu. Foto: Bruno Rega de Oliveira


Criado em 1999, o Parque foi aberto para visitação guiada em 2014. Seu objetivo é a proteção da rica biodiversidade dos biomas Cerrado e Caatinga e de um impressionante patrimônio espeleológico e histórico: abriga mais de 140 cavernas, mais de 80 sítios arqueológicos e pinturas rupestres. Por estar numa região de transição entre dois biomas, a unidade também se caracteriza por uma grande diversidade e complexidade de ambientes, favorecendo uma fauna diversificada, com exemplares de mais de 250 espécies de aves. Entre elas: a maritaca, a seriema, a maria-preta, o arapaçu e o beija-flor-de-asa-de-sabre. Outros representantes da fauna local são o veado-mateiro, a jaguatirica, mocó, mico-estrela, tatu, capivara, lobo-guará e lagarto teiú.


E você? Quais as unidades que você mais visita no WikiParques? Deixe nos comentários para outros usuários viajarem junto!

 

 

 

Comentários

comentários