Trilha da Ilha Grande deverá ter mais de 17 km. Foto: Erick Caldas Xavier


A equipe do Parque Nacional de Ilha Grande (PR) deu início à demarcação daquela que será a maior trilha da unidade de conservação. Com mais de 17 km de extensão, a Trilha da Ilha Grande atendará a todos os visitantes, sejam caminhantes, observadores de aves ou cicloturistas.

A trilha passará pela antiga Estrada da Balsa, que fazia a travessia pelo rio Paraná, ligando o Mato Grosso do Sul ao Paraná. De acordo com o chefe da unidade de conservação, Erick Xavier, o novo atrativo está previsto no plano de manejo e, no futuro, fará parte das trilhas de longo curso do ICMBio. Com o fim da demarcação, os próximos passos serão a abertura da trilha, a sinalização e, por fim, um evento experimental com ciclistas da região.

A expedição de demarcação percorreu 10 km a pé em meio à mata. Ao longo do caminho houve um esforço de identificação das espécies encontradas. Além da flora abundante, a equipe encontrou ao longo do caminho alguns exemplares da fauna como uma jiboia e um jacaré-do-papo-amarelo. Também identificaram rastros de onça, lontra, jaguatirica e de antas, além de uma rica avifauna. Com estas informações será possível ter maior controle sobre os impactos ambientais e informar aos visitantes sobre as espécies da flora existentes.

A fauna da unidade de conservação foi catalogada durante a expedição. Foto: Letícia Araújo

 

*Com informações da Comunicação ICMBIO

 

 

 

Comentários

comentários