Parque Nacional de Sete Cidades. Foto: Otávio Nogueira/WikiParques


Mais uma área protegida passou a compor a Rede Brasileira de Trilhas de Longo Curso. Agora foi a vez do Parque Nacional de Sete Cidades (PI), que finalizou a implementação das trilhas nas suas principais estradas de acesso – portão Norte e portão Sul – conectando-as ao centro de visitantes e administração. São 17 quilômetros de trilhas sinalizadas de acordo com os padrões estabelecidos pelo Manual de Sinalização de Trilhas do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Sinalização das trilhas do Parque Nacional de Sete Cidades. Foto: ICMBio/Divulgação

O logo escolhido para estampar a bota usada como sinalização do percurso foi uma pintura rupestre denominada “sítio do camaleão”. As pegadas amarelas e pretas sinalizam as as trilhas dentro do Parque Nacional de Sete Cidades. De acordo com o chefe do parque, Waldemar Justo, “a sinalização foi uma maneira de garantir uma melhor orientação aos visitantes. Atualmente, o parque encontra-se com 17 quilômetros de trilhas sinalizadas, porém o próximo passo será sinalizar toda a área de uso público da unidade”.

 

*Com informações do ICMBio

Comentários

comentários