Até o momento, a petição no site Avaaz conta com mais de 7000 assinaturas

O Coletivo SOS Vale Encantado lançou uma campanha pela criação de um Refúgio da Vida Silvestre no Vale Encantado, um remanescente de Mata Atlântica em meio à Salvador (BA). A petição na plataforma Avaaz pede apoio para que o prefeito da cidade, Antônio Carlos Magalhães Neto, crie uma unidade de conservação na região que protegerá milhares de árvores e animais silvestres sob risco de desmatamento, além de ser uma área de grande potencial para o lazer e turismo de natureza, com geração de emprego e renda.

Habitat de espécies raras, endêmicas e ameaçadas de extinção, o Vale Encantado é classificado como área de ‘alta relevância biológica’ para preservação ambiental. No local já foram registradas de mais de 260 espécies de animais silvestres e quase 200 espécies da flora, e uma diversidade de paisagens que vão da Floresta Ombrófila, característica da Mata Atlântica, a ecossistemas de restingas. 

O Coletivo justifica a urgência da criação do refúgio no fato de Salvador possui menos de 5% da sua cobertura florestal original e um déficit de áreas naturais protegidas muito maior do que capitais como São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Belo Horizonte — capitais situadas também no bioma Mata Atlântica.

O coletivo SOS Vale Encantado é formado por 50 cidadãos de Salvador e conta com apoio de artistas, cientistas, instituições e do Ministério Público Estadual da Bahia. Para apoiar a criação do Refúgio da Vida Silvestre, clique aqui. Para saber mais sobre a campanha, visite a página no Facebook do Coletivo.

 

*Com informações da SOS Vale Encantado e da Vegazeta

 

 

 

Comentários

comentários