Vista do Morro das Andorinhas, no Parque Estadual Serra da Tiririca. Foto: Gabriele Monteiro/WikiParques

Vista do Morro das Andorinhas, no Parque Estadual Serra da Tiririca. Foto: Gabriele Monteiro/WikiParques


Neste sábado, dia 20/05, o Parque Estadual da Serra da Tiririca (RJ), será o palco de um evento que pretende sensibilizar a comunidade para importância da conservação da natureza através das aves. A Passarinhada é organizada pelo grupo de observadores de aves Xtreme Birdwatchers, e representa não apenas uma ação de educação ambiental, mas também um manifesto em favor do parque.

A área da unidade de conservaçãoabriga um ecossistema de mangue e restinga extremamente ameaçado, que sofre as pressões do avanço da urbanização no entorno. No holofote estão os arredores da Lagoa de Itaipu e o Morro da Andorinha, áreas que foram anexadas posteriormente à criação do parque (Decreto nº 41.266/2008). Agora, os organizadores do evento, temem uma possível perda dessas áreas diante do voraz avanço das imobiliárias. “Desanexar estas áreas do parque será um retrocesso à qualidade ambiental e de vida da região oceânica de Niterói e uma perda irreparável para a conservação de espécies da flora e fauna, incluindo as aves”, ressaltou o porta-voz do Xtreme Birdwatchers. A observação de aves programada para o sábado será portanto um manifesto em defesa da unidade de conservação, “faremos esta marcha em favor à proteção da avifauna do parque e seus ambientes, tendo como armas nossos binóculos e câmeras fotográficas”.

Também está previsto o plantio de 300 mudas de mangue-vermelho no mangue do canal do Camboatá.

Equipe Xtreme Birdwatchers. Foto: Divulgação Facebook

Equipe Xtreme Birdwatchers. Foto: Divulgação Facebook


A avifauna do Parque Estadual da Serra da Tiririca

O parque já registrou em seu território mais de 200 espécies de aves, algumas delas endêmicas da Mata Atlântica e ameaçadas de extinção, como o gavião-pombo-pequeno (Amadonastur lacernulatus) e a cigarra-verdadeira (Sporophila falcirostris). Além disso, a unidade é um dos lugares de pouso para aves migratórias, como o falcão-peregrino (Falco peregrinus) e a águia-pescadora (Pandion haliaetus).

Serviço:

Passarinhada em prol do Parque Estadual da Serra da Tiririca

Quando? 20/05, sábado, das 07h00 às 17h00
Onde? Ponto de encontro no Canal do Camboatá, Itaipu – Niterói – RJ
Ingressos? Evento gratuito

 

 

 

Comentários

comentários