Estação Ecológica de Corumbá



https://www.google.com/maps/search/Esta%C3%A7%C3%A3o+Ecol%C3%B3gica+de+Corumb%C3%A1/@-20.3215678,-45.6067162,379m/data=!3m1!1e3

Estação Ecológica de Corumbá
Esfera Administrativa: Estadual
Estado: Minas Gerais
Município: Arcos
Categoria: Estação Ecológica
Bioma: Cerrado
Área: 304,36 ha
Diploma legal de criação: Criada como Reserva Biológica pelo Decreto n°16.580 de 23 de setembro de 1974, e sua categoria foi alterada para Estação Ecológica pelo Decreto n° 37.826 de 14 de março de 1996.
Coordenação regional / Vinculação: Instituto Estadual de Florestas-IEF
Contatos: Tel: (37) 3351-3125. Sede da Estação Ecológica

( ee.corumba@meioambiente.mg.gov.br ) (37) 3351-5487. Escritório IEF. Núcleo de Arcos.

Índice

Localização

Km 74,5 da MG 170 (margem direita), à 9,5 Km de Arcos e á 220 Km de Belo Horizonte. Está situada no Centro-Oeste de Minas Gerais, região do Alto São Francisco, na porção sul da Província Cárstica de Bambuí-MG. Área que se destaca pela grande concentração de cavernas e sítios arqueológicos.

Como chegar

Ingressos

Não é cobrado ingresso. A entrada na UC só é permitida para fins de pesquisa científica e atividades educacionais.

Onde ficar

Sugere-se a hospedagem na cidade de Arcos.

Objetivos específicos da unidade

O principal objetivo da unidade é a preservação de parcela representativa dos ambientes naturais da região cárstica de Arcos caracterizada, principalmente, pelos afloramentos rochosos que compõe a sua paisagem natural e seu acervo espeleológico e arqueológico.

Histórico

Com o nome de origem tupi-guarani “curupah” - que significa lugar distante, "Corumbá" é conhecida como Cidade Branca por causa da cor clara de seu solo, rico em calcário.

Atrações

Gruta da Violeta, Grutinha do Museu e Viveiro Florestal.

Aspectos naturais

A UC compreende um mosaico que integra cobertura vegetal relacionada aos afloramentos de rochas carbonáticas, Florestas Estacional Decidual, Semidecidual (Mata Atlântica) e Cerrado.

Relevo e clima

Possui um relevo especial denominado Carste, marcado pela presença de rochas carbonáticas. Clima: Subtropical Úmido- Cwa

Fauna e flora

Fauna: abriga vários e importantes exemplares como lobo-guará, jaguatirica, tamanduá-bandeira, cuíca, tatu-galinha, macaco-prego, sauá, onça-parda, irara, guaxinim, raposinha, veado-catingueiro, lagarto-teiú, cascavel e muitas espécies de avifauna local e migratórias que permanecem na região durante a estação chuvosa. Flora: Possui mais de 100 espécies de árvores nativas como Ipê-amarelo, Jatobá, Jequitibá, Jacarandá, Monjolo, Aroeira-Salsa, Unha-de-vaca, Açoita-cavalo dentre várias outras espécies.

Problemas e ameaças

Detonação para exploração de calcário na zona de amortecimento. Espécies invasoras: Capim Colonião e Leucênia

Fontes

Na Estação Ecológica de Corumbá você poderá:

  • Efetuar trabalhos de pesquisa (Mediante autorização IEF e gerência da Unidade)
  • Realizar visitas de cunho educacional (contato para agendamento através do email: ee.corumba@meioambiente.mg.gov.br)