Parque Estadual Intervales

Fique por dentro das novidades do Parque Estadual Intervales no Blog do WikiParques


Parque Estadual Intervales
Esfera Administrativa: Estadual
Estado: Sao Paulo
Município: Ribeirão Grande SP
Categoria: Parque
Bioma: Mata Atlântica
Área: 41.700 hectares
Diploma legal de criação: Criado pelo Decreto Estadual nº 40.135 de 08 de junho de 1995
Coordenação regional / Vinculação: Fundação para Conservação e a Produção Florestal do Estado de São Paulo.
Contatos: Unidade de Conservação:

Endereço: Estrada Municipal Km 25 - Intervales - Ribeirão Grande/SP CEP: 18.315-000

(15) 3542-1511 / (15) 3542-1245 / reservasintervales@gmail.com

Índice

Localização

Localiza-se nos municípios de Iporanga, Ribeirão Grande e Sete Barras, no Continuum de Paranapiacaba, junto com o Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (PETAR), o Parque Estadual Carlos Botelho, o Parque Estadual Nascentes do Paranapanema, a Estação Ecológica de Xitué, a APA dos Quilombos do Médio Ribeira e parte da APA da Serra do Mar, formando o segundo e mais importante corredor ecológico de Mata Atlântica do Estado de São Paulo

Como chegar

O Parque Estadual Intervales se localiza na cidade de Ribeirão Grande, São Paulo, Brazil, Estrada Municipal KM 25 são 30 minutos de viagem de Ribeirão Grande ao parque, a estrada e completa de placas informativas da direção e distancia do Parque.

Ingressos

Para saber o valor das hospedagens é necessário entrar em contato nos contatos acima. Ingresso para entrar no parque (não inclui o custo dos guias para os passeios e demais itens): Ingresso R$ 12,00 por pessoa Crianças de até 12 anos, adultos com mais de 60 e pessoas com deficiência também não pagam. Estudantes pagam meia entrada, mediante apresentação de documento.

Onde ficar

No interior de Intervales há 03 pousadas, com cerca de 70 leitos no total. As reservas e agendamentos podem ser feitos pelo telefone (15) 3542 1511/ (15) 3542-1245 ou pelo

e-mail: reservasintervales@gmail.com (é fundamental que sejam feitas as reservas antecipadamente)

Objetivos específicos da unidade

Preservação de ecossistemas naturais de grande relevância ecológica e beleza cênica, possibilitando a realização de pesquisas científicas e o desenvolvimento de atividades de educação e e interpretação ambiental, de recreação em contato com a natureza e de turismo ecológico.

Histórico

O Parque Estadual Intervales (PEI)é uma Unidade de Conservação de Proteção Integral – categoria Parque (Lei federal 9.985/2000). Foi criado em 8 de junho de 1995, porém é administrado pela Fundação Florestal, sob o mesmo regime de conservação, desde 1987. A área de 41.700 hectares é remanescente da antiga Fazenda Intervales, que foi gerenciada pelo BANESPA até 1986.

O nome Intervales corresponde ao termo “entre os vales”. A sede do Parque se encontra na divisa das bacias hidrográficas dos rios Ribeira de Iguape e do Paranapanema, no alto da Serra de Paranapiacaba. Nessa região, divisa dos municípios de Ribeirão Grande e Iporanga, o relevo é predominantemente montanhoso, com altitudes que variam de 900 a 1200 metros. É uma área repleta de cavernas e com a presença de uma rica biodiversidade.

Intervales não é só procurado por visitantes querendo visitar as cavernas e sua Mata Atlântica, mas também pelos observadores de aves. É um dos principais destinos do Brasil para a observação de aves. Tem sem dúvidas os melhores guias locais. Totalmente capacitados.

Atrações

Cavernas, Cachoeiras e Observação de Aves, diversas trilhas.

Aspectos naturais

O Parque Estadual Intervales compõe a região central do Mosaico de Unidades de Conservação da Serra de Paranapiacaba, que conserva a maior área remanescente de Mata Atlântica do Brasil, com mais de 120.000 hectares de áreas protegidas, em ótimo estado de conservação.

Relevo e clima

O relevo tem características de embasamento cristalino, de unidades de rochas metassedimentares (incluindo as rochas carbonáticas) e granitóides intrusivos.

O clima é o subtropical de altitude.

Fauna e flora

Já foram registrados dentro dos limites do Parque mais de 700 espécies de invertebrados, 49 espécies de peixes, 101 espécies de anfíbios, 44 espécies de répteis, 405 espécies de aves e 121 espécies de mamíferos. Uma amostra que representa uma proporção significativa de fauna da região do Vale do Ribeira e do Alto do Paranapanema. Espécies variadas da fauna como jacuntinga, onça-pintada, mono-carvoeiro, anta, gambá, tamanduá-mirim, macaco-prego, veados, roedores e morcegos.

Em relação à flora da Mata Atlântica do parque, ela possui mais de 650 espécies coletadas e identificadas. Muitas dessas espécies são de interesse especial à conservação por estarem incluídas em alguma categoria de ameaça ou serem endêmicas à Mata Atlântica.

Problemas e ameaças

Espécies da fauna e da flora ameaçadas de extinção;

Fontes

http://www.intervalestur.com/

http://www.ambiente.sp.gov.br/parque-intervales/