Reserva Particular do Patrimônio Natura Reserva da Cachoeira

Em 26 de janeiro de 1996, com o objetivo de contribuir com a proteção das margens do Rio Cipó, os responsáveis pela empresa ZAREIA EMPREENDIMENTOS LTDA. vão em busca do reconhecimento do imóvel Reserva da Cachoeira, com 72,02 ha de extensão como Reserva Particular do Patrimônio Natural.


http://sistemas.icmbio.gov.br/simrppn/publico/detalhe/456/

Reserva Particular do Patrimônio Natura Reserva da Cachoeira
Esfera Administrativa: Particular
Estado: Minas Gerais
Município: Santana do Riacho - MG
Categoria: Reserva Particular do Patrimônio Natural
Bioma: Cerrado
Área: 72,02
Diploma legal de criação: Portaria 039/97-NRetificação - DOU 103 - 02/06/1998 - seção/pg. 01 - 65

http://sistemas.icmbio.gov.br/site_media/portarias/2010/07/05/PortRPPNReservadaCachoeiraRetifica%C3%A7%C3%A3o.pdf

Coordenação regional / Vinculação:
Contatos: 31 9942-4620 Fax: 3718-7171

Índice

Localização

Encontra-se próximo a zona urbana da Serra do Cipó, pertencente ao município de Santana do Riacho, MG. A Serra do Cipó é localizada na porção sul da Serra do Espinhaço, que se estende por cerca de 1.200 km de norte a sul entre os estados de Minas Gerais-MG e Bahia-BA.

Como chegar

A sede do distrito da Serra do Cipó localiza-se a 97 km do centro de Belo Horizonte, MG, por estrada asfaltada e em bom estado. Grandes melhorias aconteceram nos últimos anos, sobretudo no que se refere ao trecho entre a Capital e o Aeroporto Internacional Tancredo Neves. Durante a passagem pela cidade de Lagoa Santa o trajeto encontra lentidão devido a área urbana. Após esta cidade, segue-se o trajeto por mais 50 km adiante em estrada de asfalto de mão dupla e sem acostamento. Outra opção de rota é usar a rodovia MG-020 que vai de Santa Luzia a Jaboticatubas, percorrendo após este trecho 25 km de estrada de terra até a rodovia MG-010. Ainda, para pessoas que se deslocam de Brasília e outras cidades a oeste a BR-040 é uma opção. Mais uma facilidade para quem deseja visitar a RPPN, bem como todas as belezas naturais da Serra do Cipó, existem muitas linhas de ônibus que realizam o percurso de Belo Horizonte para cidades da região. Além disso, outra opção é o Aeroporto da Pampulha em Belo Horizonte, continuando o caminho por terra, embora a sede do Parque Nacional da Serra do Cipó possua um heliponto este é destinado apenas a emergências tais como incêndios florestais, resgates ou mesmo fiscalização.

Ingressos

A ZAREIA não explora e não pretende explorar, no momento, a área para fins turísticos ou recreativos.

Onde ficar

Não há edificações ou infra-estrutura implantada na RPPN Reserva da Cachoeira, a não ser a cerca construída ao longo da rua limite do loteamento Recanto da Serra. Os resíduos sólidos gerados pela visitação são recolhidos pela ZAREIA e destinados ao serviço público de coleta e destinação final. Não há sistema de energia elétrica na propriedade. As placas de sinalização existentes em geral não são respeitadas pelos visitantes, sendo constantemente depredadas. Como a área não é aberta ao público, não há sistema de circulação implantado. Por fim, no momento, como a área deverá ficar fechada ao uso público, não está prevista a abertura de estradas, caminhos ou trilhas

Objetivos específicos da unidade

A RPPN Reserva da Cachoeira foi criada com o objetivo de estabelecer uma faixa de proteção para o rio Cipó, no entorno da área urbana do distrito da Serra do Cipó, e a proteção da biodiversidade, atendendo o Decreto nº 1.922, em seus artigos. 2º e 3º que diz: “As RPPN's terão por objetivo a proteção dos recursos ambientais representativos da região”. “ As RPPN's poderão ser utilizadas para o desenvolvimento de atividades de cunho científico, cultural, educacional, recreativo e de lazer, observado o objetivo estabelecido no artigo anterior. ”

Histórico

Desde o século XIX, Serra do Cipó é como foi nomeado a região próximas às cabeceiras do rio Cipó pertencente ao município de Santana do Riacho. De acordo com a versão mais difundida e comentada, a origem do termo é devido à semelhança das curvas do rio, que nasce em serpenteia por uma baixada antes de atingir terrenos pedregosos novamente. Ainda, há a teoria que originou-se da grande quantidade de cipós nas formações de mata ciliares e mata seca.

Atrações

A empresa ZAREIA EMPREENDIMENTOS LTDA. nunca desenvolveu atividade alguma com fins comerciais na área da RPPN Reserva da Cachoeira, e sempre procurou cumprir os objetivos para os quais esta foi criada, ou seja, a preservação da biodiversidade. Entretanto, como explicitado em outras partes deste relatório, a área é intensamente buscada pela comunidade e pelos visitantes, que de forma clandestina, fazem uso da mesma para atividades de lazer, tais como, passeios a pé, natação, futebol, churrascos, etc. Como já anteriormente salientado, de forma clandestina criadores de gado e cavalos colocam seus animais para pastagem na área, rompendo as cercas e colocando fogo nos pastos. Estes animais juntamente com a crescente população de capivaras agravam, em épocas específicas, a ocorrência de carrapatos. A comunidade busca também a área e os imóveis próximos, sempre de forma clandestina, para atividades de pesca e caça de animais, principalmente das capivaras que habitam as margens do rio Cipó.

Aspectos naturais

A Serra do Cipó está entre as bacias hidrográficas do rio São Francisco e rio Doce. Está também entre a região de transição entre o Cerrado e a Mata Atlântica. Conta com formações geológicas, condições climáticas e uma biota singulares que permitem a exuberância de campos rupestres com maior diversidade do país.

Relevo e clima

Aproximadamente 70% da propriedade apresenta-se como uma planície fluvial em uma faixa contínua ao longo das margens do rio, ocasionando uma vasta área inundada durante a estação chuvosa e as más condições de drenagem levam ao encharcamento. Criando condições que permitem a manutenção de Essa situação propicia a manutenção de um aquífero que mantém a água na superfície devido ao seu afloramento. O Clima na região onde se localiza a RPPN Reserva da Cachoeira é tropical de altitude do tipo Cwb de Köppen, isto é, verões frescos e com estação seca definida. Contudo, os ambientes montanhosos da Serra do Cipó resultam em diferenças no clima em toda a extensão da região, obviamente repercutindo na vegetação.

Fauna e flora

Fauna: Encontram-se na extensão do rio Cipó peixes de valor significativo e espécies como o Timburé (Leporinus amblyrhynchus) e Sagüiru (Steindachnerina corumbae). A herpetofauna conta com representantes de anfíbios nas famílias Bufonidae (sapos), Centrolenidae, Dendrobatidae, Hylidae e Microhylidae (pererecas), contudo, pesquisas elucidam que o aumento da iluminação e do ruído ao longo da rodovia MG-010 causou uma perturbação significativa nas populações de anfíbios. Por sua vez, poucos estudos foram realizados para a fauna de répteis mas algumas espécies novas foram descritas a partir de tipos coletados na região, a exemplo de representantes da espécie Placosoma cipoense e Colobodactylus dalcyanus. A fauna de ofídios estudada mostrou-se similar a fauna de serpentes encontradas em outras regiões do Cerrado, além disso, a localização da região entre os biomas Cerrado e Mata Atlântica explica o baixo endemismo na avifauna da região. Flora: Na região, as fitofisionomias campo limpo, cerrado senso stricto, cerradão, capoeira, mata ciliar, mata seca, vereda, pastagem e várzea se destacam em toda a extensão. A RPPN está localizada em uma formação geológica que propicia uma superfície plana e as formações vegetacionais realçam o relevo e suas formas. O tipo de solo predominante é o Latossolo Vermelho e as famílias Leguminosae, Guttiferae, Sapotaceae, Asteraceae e Vochysiaceae, por exemplo, destacam-se em meio a paisagem.

Problemas e ameaças

A região correspondente a RPNN apresenta problemas como atividade não permitida a visitantes, como futebol e churrasco, sem contar com as ocorrências de criadores de gado que rompem os limites da propriedade para utilização dos pastos e por vezes acabam por atearem fogo. Juntamente com o gado, o aumento crescente no número de capivaras faz aumentar gradativamente a incidência de carrapato.

Fontes

PLANO DE MANEJO DA RPPN RESERVA DA CACHOEIRA, disponível em: <http://www.icmbio.gov.br/portal/images/stories/docs-planos-de-manejo/rppn_reserva_cachoeira_serra_do_cipo_pm.pdf>, acessado em 27 de Novembro de 2019.

<http://www.descubraminas.com.br/Turismo/DestinoAtrativoDetalhe.aspx?cod_destino=543&cod_atrativo=3356>, acessado em 29 de novembro de 2019.